Checklist da escola segura: como a gestão promove saúde mental
Baixe agora!
Blog da Árvore
Gestão Escolar
Qual é a função da gestão escolar?

Qual é a função da gestão escolar?

7 out 2022
3 min
Post modificado em:
7/10/2022

A função da gestão escolar pode variar a depender das particularidades de cada escola. Pensando nisso, escrevemos esse texto para esclarecer suas dúvidas sobre esse papel e o que a BNCC espera dessa atribuição. Vamos lá!

Qual o papel do gestor escolar?

Para começo de conversa, vale notar que gestão e direção escolar são sinônimos! São dois termos  para o mesmo papel de administração, dentro dos vários tipos de gestão escolar que compõem o universo da educação.

O gestor escolar, baseado em uma escuta ativa dos professores, familiares e alunos, tem o papel de compreender e analisar os melhores caminhos de investimento e gerenciamento da escola. Ou seja, uma atuação de caráter mais administrativo, de modo a proporcionar condições materiais para que o Projeto Político Pedagógico seja bem executado.

Por outro lado, a  gestão escolar alinhada à coordenação pedagógica, executará o compromisso de fomentar o desenvolvimento do seu corpo docente. Viabilizando um espaço aberto para apoiar os professores no enfrentamento dos desafios e na prática de uma gestão democrática, que acolha toda a comunidade escolar.

É o gestor, ainda,  quem criará e acompanhará planos de ação de acordo com as necessidades dos estudantes, visando o desempenho dos índices educacionais de aprendizagem elaborados a cada novo ano.

Esse agente cumpre o papel de buscar e implementar melhores condições materiais e pedagógicas de atendimento aos estudantes. Assim como a harmonia e constante diálogo entre os professores e as famílias, o que é fundamental para a sinergia escolar.

O que a BNCC fala sobre gestão escolar?

Para a Base Nacional Comum Curricular, a BNCC, o papel da gestão escolar vai muito além de habilidades financeiras e administrativas, é importante que ela esteja também comprometida com a garantia da eficiência da educação integral dos estudantes.

Principalmente porque, alguns estudos já apontam a relação direta entre a qualidade da aprendizagem e qualidade da gestão. E embora pouco se fale sobre essa relação, a responsabilidade de liderar e acompanhar os processos pedagógicos, tende a impactar significativamente o modo como os estudantes são apresentados aos conteúdos pedagógicos.

Tornando-se, assim, imprescindível a existência de uma gestão democrática, competente e empática para que haja melhorias contínuas no desenvolvimento escolar dos estudantes.

O documento, ainda, em um dos primeiros parágrafos, assinala a importância da complementação entre as suas diretrizes e o currículo. À gestão escolar é atribuído então o papel de conhecer as particularidades da escola a fim de fazer escolhas assertivas para implementar as orientações da Base.

Como garantir as aprendizagens definidas para cada etapa e os direitos de aprendizagem dos alunos, em conjunto com a coordenação pedagógica. O que, de acordo com a BNCC, só é possível mediante as decisões tomadas para garantir o currículo. Exigindo um trabalho atento, contínuo e dedicado da gestão escolar e seus professores.

Segundo a Base, também é função da gestão escolar decidir a organização interdisciplinar dos componentes curriculares e incentivar a formação continuada dos professores de modo que esses componentes sejam trabalhados de forma dinâmica, interativa e colaborativa.

A Base traz a importância de criar oportunidades permanentes de formação continuada para os educadores. Além de dar destaque à busca de tecnologias e metodologias que apoiem e incentivem os processos de ensino e aprendizagem.

Assim, é fundamental que conheça a fundo a BNCC e se coloque como referência para apoiar e orientar os demais atores da comunidade escolar. Também é um papel da gestão escolar criar canais e espaços de discussão do documento e proposição.

Qual a diferença entre gestão educacional e gestão escolar?

A gestão educacional consiste nas decisões provenientes do Estado, como as políticas públicas voltadas para a educação nacional. Documentos como a LDB e a BNCC são resultado dessa gestão educacional.

Já a gestão escolar traduz-se nas ações tomadas pela equipe de condução da escola, representadas pelas funções de direção, especialistas em educação, supervisores e orientadores. Assim, enquanto a gestão educacional está para as propostas que impactam toda a educação nacional, a gestão escolar está para o ambiente particular da escola.

É ela que garantirá a aplicabilidade da gestão educacional, cumprindo as diretivas e orientações propostas. No entanto, a gestão escolar possui autonomia para construir seu Projeto Político Pedagógico e para pensar a qualidade do ensino e da aprendizagem, buscando possibilidades para aplicação e melhoria das diretivas da gestão educacional.

A gestão escolar e gestão educacional, embora comumente confundidas, apresentam responsabilidades diferentes, mas funções complementares. Devendo desempenhar um trabalho articulado, pensando na eficiência da aprendizagem e avanço dos estudantes.

O que é gestão pedagógica?

A gestão pedagógica é a responsável pela organização e planejamento da proposta pedagógica de ensino da escola. Função fim de toda instituição escolar, que é absorvida pela direção e coordenação pedagógica.

No entanto, é a coordenação pedagógica que concentra a responsabilidade pelos processos ligados ao ensino e à aprendizagem. Como estabelecer metas educacionais, acompanhar os indicadores, fazer análises dos dados, elaborar estratégias para incidir sobre as dificuldades dos estudantes.

É a coordenação pedagógica, dentro da gestão escolar, que será responsável pela integração do Projeto Político Pedagógico da escola pelo corpo docente e em sala de aula. Assim como viabilizar o diálogo entre as famílias e os educadores, e avaliar o desempenho dos professores.

Com uma comunicação assertiva, acolhedora e horizontal, tem de estimular boas práticas. Além de mobilizar os professores a trabalhar nos estudantes as competências e habilidades de cada fase da educação básica, como também criar estratégias para acompanhar o desenvolvimento delas.

Essas responsabilidades descritas são funções da coordenação pedagógica que estará em constante diálogo com a gestão escolar, compartilhando e dividindo os desafios. Esse alinhamento é fundamental para que possam refletir e tomar decisões embasadas, de modo a contribuir para o funcionamento saudável da escola.


Gestor, quer saber mais como alcançar uma gestão escolar de excelência? Acesse agora mesmo nosso texto Gestão escolar com excelência: como desenvolver. Nesse texto você vai encontrar os pilares para uma gestão sensível, eficiente e que faz a diferença.

Baixe o Guia Definitivo da Gestão Escolar!

Tenha acesso a dicas, materiais e conteúdos práticos para tornar o dia a dia da gestão escolar mais simplificado. É gratuito!

Preencha o formulário ao lado e receba o material no seu e-mail.

Formulário enviado com sucesso!
Erro! Por favor, tente novamente.

Você pode gostar também

Gestão Escolar

Dicas para começar o seu ano letivo com o pé direito

Começar o ano letivo da maneira certa é essencial para alunos, professores e para a gestão escolar. Confira cinco dicas para tornar essa tarefa mais fácil.

Continuar
Gestão Escolar

Como trabalhar a saúde mental na escola: 7 dicas práticas

Você sabe por que e como trabalhar a saúde mental na escola? Conheça o importante papel das instituições de ensino e confira 7 dicas práticas.

Continuar