Checklist da escola segura: como a gestão promove saúde mental
Baixe agora!
Blog da Árvore
Gestão Escolar
Clima escolar: o que é e qual o papel da gestão

Clima escolar: o que é e qual o papel da gestão

29 mar 2023
4 min
Post modificado em:
29/3/2023

Gestor, você já pensou em estratégias de avaliação e manutenção do clima escolar? Hoje, vamos falar sobre cultura e clima nas instituições de ensino. Confira:

O que é cultura e clima escolar?

A escola é um espaço vivo, lugar de movimento! É um ambiente de trabalho, aprendizado, cooperação e diálogo.

Nela, se desenvolvem relações interpessoais, afetos, conflitos, surgem novas ideias…enfim! Na escola ensinamos e aprendemos, convivemos e experimentamos.

Não há dúvida que um espaço e um clima escolar harmoniosos são benéficos para o principal movimento que ali acontece: o processo educativo.

Quando falamos de cultura e clima escolar, estamos nos referindo às expectativas e percepções compartilhadas pelos membros da comunidade escolar.

Como estudantes, professores e funcionários percebem as diferentes dimensões da instituição? As relações são constituídas de forma saudável? Os conflitos são bem manejados? As famílias percebem a escola como um ambiente seguro para seus filhos?

O clima e a cultura escolar envolvem diversos aspectos, desde a estrutura física da escola até as relações entre os estudantes.

Estudos comprovam que um bom clima escolar garante um maior senso de comunidade e integração. Uma cultura socioeducativa positiva e democrática minimiza problemas de comportamento e melhora o desempenho acadêmico de forma geral.

Como avaliar a cultura e o clima escolar?

A gestão escolar tem um papel fundamental na manutenção do clima escolar. Para chegar em ações e atividades assertivas, é importante aplicar pesquisas de diagnóstico com regularidade.

E o que se deve avaliar em tais diagnósticos? Um estudo da UNESP sobre clima escolar chegou em resultados contundentes através da avaliação das seguintes dimensões:

  • As relações com o ensino e a aprendizagem: A escola é vista como um lugar de construção de conhecimento e aprendizagem? Os alunos e professores se sentem motivados? Os estudantes têm acompanhamento contínuo? Todos se mantêm participativos?
  • As relações sociais e os conflitos na escola: Como se estabelecem as relações interpessoais? Como é a convivência no espaço escolar? Os membros da comunidade escolar se apoiam e se respeitam? A sensação geral é de bem-estar e pertencimento?
  • As regras, as sanções e a segurança na escola: Os conflitos são mediados de forma saudável? Há equidade na aplicação de regras e sanções? A escola é um ambiente justo e seguro?  
  • A família, a escola e a comunidade: As famílias contribuem e se sentem integrantes da comunidade escolar? A relação escola, família e comunidade se estabelece com confiança e respeito entre todas as partes?
  • A infraestrutura e a rede física da escola: Equipamentos como livros, mobiliários e demais materiais estão devidamente disponíveis e organizados? Como é percebida a qualidade da infraestrutura e do espaço físico da escola? Todos cuidam dos espaços comuns? A escola é um ambiente seguro e facilitador do convívio?
  • As relações com o trabalho: Gestores e professores sentem-se acolhidos, valorizados e motivados no ambiente de trabalho? A formação continuada e demais práticas de estudo são encorajadas?
  • A gestão e a participação: Como os processos de gestão, cooperação e participação são percebidos pelos funcionários da escola? Educadores e demais membros da comunidade sentem-se incluídos nos espaços de tomada de decisão?
  • As situações de intimidação entre alunos: Como está o encaminhamento das situações de intimidação e maus tratos vivenciadas nas relações entre pares? O bullying é uma problemática grave na escola?

Gestor, os pontos acima podem servir de orientação para que você elabore a sua própria pesquisa de avaliação de clima escolar. Depois, estruture um plano de ação para agir sobre as questões mais urgentes.

A seguir, compartilhamos dicas sobre os principais pontos a considerar na elaboração de um plano de ação para o clima e cultura escolar.

Como a equipe gestora pode contribuir para a melhorar o ambiente escolar?

Garantir uma gestão democrática

Uma gestão democrática possibilita um clima escolar favorável e estabelece vínculos com toda a comunidade.

Para garantir uma gestão democrática, gestores precisam descentralizar a administração da escola. Isso permite que todos os participantes do dia a dia escolar, incluindo as famílias, estejam envolvidos nos processos de tomada de decisão.

É importante que todos se responsabilizem tanto pelo processo de ensino e aprendizagem, como pelo sucesso dos espaços de diálogo da instituição escolar.

Por isso, em prol de uma gestão democrática, líderes escolares devem oferecer espaços de escuta para estudantes, professores e famílias.

Desse modo, garante-se que o currículo, a proposta pedagógica e as dinâmicas de convivência estejam alinhados e atendam às necessidades locais.

Promover a saúde mental

A escola é lugar de escuta, de acolhimento das angústias e dos medos dos estudantes (e também dos professores!). Educar é também estar vulnerável, criar vínculos e manter-se próximo.

Por isso, para um clima escolar favorável, é fundamental que gestores e educadores promovam a saúde mental na escola. E como esse trabalho acontece na prática?

É vital que os funcionários da escola estejam preparados para:

  1. Identificar possíveis problemas de saúde mental, encaminhando-os para profissionais de saúde e órgãos competentes;
  2. Conduzir atividades e rodas de conversas de modo a promover a saúde mental entre todos os membros da comunidade escolar.

Nesse sentido, gestores devem garantir a elaboração de fluxos de encaminhamento. Além do treinamento da equipe e espaços para trocas abertas e constantes sobre a saúde mental.

Lembrando que o trabalho com as competências socioemocionais é também uma excelente maneira de prevenir problemáticas de saúde mental na escola!

Viabilizar a formação continuada de professores

A formação continuada faz com que educadores se sintam seguros e confiantes em sua atuação profissional.

Um ambiente de trabalho que estimula a ampliação do repertório individual e coletivo é indispensável para assegurar um clima escolar saudável. Afinal, professores motivados são a chave para a aprendizagem significativa!

Por isso, é imperativo abrir espaço na carga horária e incentivar que educadores e educadoras troquem constantemente.

A gestão escolar pode atuar organizando palestras e cursos com especialistas na área da educação. Além disso, é interessante manter uma bom relação com as universidades locais, criando oportunidades para a pesquisa docente.

O primeiro passo para o planejamento de formação continuada pode ser o mapeamento das temáticas de preferência do seu quadro de professores.

Investir no espaço físico da escola

As salas de aula e os banheiros estão bem equipados? Para um clima escolar saudável, é essencial que os espaços de convivência sejam acolhedores e cumpram devidamente suas funções.

As salas de artes, bibliotecas e laboratórios devem ter materiais e mobiliários organizados e disponíveis. E todos devem ser responsáveis por garantir o cuidado e o uso apropriado das ferramentas de ensino.

Aqui, não se trata de abundância, mas de disponibilizar o acesso a espaços seguros e materiais adequados. Com isso, os gestores beneficiam a aprendizagem e facilitam o convívio no dia a dia da escola.

Gestor, que tal organizar uma assembleia para discutir com professores e estudantes quais materiais são os mais indispensáveis para o cotidiano escolar? Aproveite e organize um debate para estabelecer boas práticas de uso e compartilhamento!

Fortalecer o vínculo família-escola

O envolvimento da família tem um impacto enorme no desempenho escolar do estudante. Desse modo, é importante que a escola estabeleça uma relação próxima com os responsáveis. É importante convidá-los para participar do processo de ensino e aprendizagem.

Para que essa seja uma relação frutífera e com bons impactos no clima escolar, é necessário que cada ator saiba o seu papel. Qual é a função da escola e da família no processo educativo?

O melhor caminho para estabelecer os vínculos e limites desse relacionamento é através de uma comunicação constante e eficiente. Portanto, gestores devem promover um ambiente acolhedor e uma escuta ativa!

Gestores podem e devem organizar atividades para trazer os familiares para mais perto da escola. Deixamos algumas dicas a seguir:

  • Palestras e seminários sobre educação parental e demais assuntos de interesse da comunidade;
  • Feiras de livro, ciências e mostras de arte;
  • Dinâmicas e atividades inovadoras durante a reunião de pais, como, por exemplo, um clube do livro;


Gestor, esperamos que esse post tenha te ajudado a pensar em estratégias para promover um clima escolar saudável e democrático em sua instituição. Para dicas imperdíveis de leitura, acesse o nosso post “9 livros sobre gestão escolar que você precisa ler!” Até a próxima!

Baixe o Guia Definitivo da Gestão Escolar!

Tenha acesso a dicas, materiais e conteúdos práticos para tornar o dia a dia da gestão escolar mais simplificado. É gratuito!

Preencha o formulário ao lado e receba o material no seu e-mail.

Formulário enviado com sucesso!
Erro! Por favor, tente novamente.

Você pode gostar também

Gestão Escolar

Violência contra o professor: qual o papel da gestão?

Como lidar com a violência contra o professor na escola? O que a gestão escolar deve fazer para tratar da questão? Descubra agora!

Continuar
Gestão Escolar

Escuta ativa: como aprender a desenvolver essa habilidade?

Você sabe o que é escuta ativa? E a importância dela para se relacionar com alunos e educadores? Confira no nosso post!

Continuar