Blog da Árvore
Leitura
Volta às aulas: como a leitura pode ser aliada

Volta às aulas: como a leitura pode ser aliada

26 jan 2022
3 min
Post modificado em:

A volta às aulas pode ser um período desafiador para os alunos, famílias e toda comunidade escolar. Para trabalhar todas as questões que surgem neste momento, a leitura é uma grande aliada.

Com os livros, é possível recuperar o conteúdo de anos anteriores, trabalhar a autonomia dos alunos, incentivar a criatividade, trabalhar as emoções e as competências socioemocionais. Enfim, são muitas as possibilidades!

Para mostrar como a leitura pode ser aliada na volta às aulas, separamos aqui algumas dicas que podem ajudar.

Como e onde a leitura pode ser aliada na volta às aulas:

- Volta às aulas e recuperação da aprendizagem

Depois de dois anos letivos em pandemia, muitos alunos precisam recuperar aquilo que não foi apreendido neste período. Assim, a recuperação de aprendizagem não é somente uma retomada do que foi visto. Nesta altura, é também a introdução de tudo aquilo que faltou trabalhar com o devido afinco nos anos anteriores.

A leitura é um dos caminhos para fazer essa recuperação. E isso pode ser feito combinado com a pesquisa ou com outros formatos de conteúdo. Afinal, ela é o ponto de partida para a aprendizagem e reconhecimento daquilo que precisa ser revisto nesse novo ano.

Dessa maneira, é interessante trabalhar a leitura em diferentes formatos e disciplinas. Seja a partir da leitura de uma notícia para trabalhar um conteúdo de geografia, a leitura de um livro ou mesmo de algum conteúdo digital para retomar assuntos importantes.

- Promoção da autonomia a partir da leitura

Ler é um ato que pode gerar bastante autonomia entre os estudantes. A escolha da obra, o progresso da leitura, as interpretações feitas e intervenções sobre o que foi lido. Todo esse processo auxilia o desenvolvimento de um estudante autônomo e cheio de curiosidade.

Dessa forma, essas habilidades ajudarão também o aluno a passar pelo início do ano letivo com maior tranquilidade e confiança. Afinal, a volta às aulas pode significar o reconhecimento de um novo espaço, novas pessoas e uma nova rotina.

Que tal, inclusive, incentivar a leitura de livros que falem exatamente sobre a volta às aulas ou a mudança de escola? No fim deste post, vamos deixar algumas sugestões de leitura para seus alunos. Não deixe de ler até o final!

- Trabalho com competências socioemocionais na volta às aulas

O período de volta às aulas vem carregado com muitos sentimentos e emoções, certo? Portanto, apoiar os alunos para que eles desenvolvam suas competências socioemocionais na volta às aulas é essencial.

A educação socioemocional, de acordo com o MEC, diz respeito ao processo de entendimento e controle das emoções, com empatia e responsabilidade. As competências socioemocionais são subjetivas, aquelas que os certificados ainda não são capazes de revelar: autogestão, autoconsciência, consciência social, habilidades de relacionamento e tomada de decisão responsável.

Assim, o desenvolvimento de todas essas competências pode ser realizado através dos livros. Afinal, as obras despertam empatia pelos personagens, identificação com os acontecimentos da narrativa, o entendimento de diferentes sentimentos e até mesmo o despertar da calma e paciência entre seus leitores.

Além disso, trabalhar as competências socioemocionais e a leitura em conjunto com as demais competências da BNCC têm o intuito de projetar uma formação do estudante enquanto um ator ativo. Portanto, é essencial uma mediação com intencionalidade, incentivando a criação de vínculos entre os alunos, para que assim compreendam seu lugar no mundo.

- Leitura e integração com famílias na volta às aulas

Para que a leitura vire rotina para além dos muros da escola, o incentivo da família é essencial. Por isso, é importante encantar a família dos seus alunos por meio da leitura.

A base familiar representa apoio emocional, psíquico e social que qualquer indivíduo precisa e na escola não poderia ser diferente. Já a leitura não é apenas uma habilidade, mas uma peça-chave com a qual o estudante terá acesso a múltiplas competências e oportunidades de desenvolvimento. Sim, família e leitura podem caminhar juntas!

No início deste ano, considerando esses dois aspectos, vale a pena pensar em estratégias para que pais e livros dialoguem. Assim, uma forma de destacar a leitura como aproximação dos responsáveis é por meio do oferecimento de uma programação recheada de eventos literários. Dessa forma, vale saraus, clubes de leitura, projetos e feiras de livros em que a presença da família seja indispensável.

Até mesmo atividades que se encaixem no dia a dia dos alunos são excelentes oportunidades de apreciação dos responsáveis. Afinal, elas podem ser destinadas para a casa com a participação coletiva dos familiares. Com isso, além de render boas risadas e afeto, poderá estimular muito aprendizado.

Confira também nosso material exclusivo Jornada do Conhecimento: Planejamento e Família!

Leitura digital na volta às aulas

A tecnologia veio para ficar e cada vez mais as crianças e jovens fazem parte da geração de nativos digitais. Assim, que tal realizar o trabalho com a leitura na volta às aulas em formato digital?

Ao fazer isso, você trabalha não somente todos os aspectos acima listados, mas ainda alguns bem importantes para o futuro dos estudantes. Alguns deles são:

- Educação midiática: saber usar bem as mídias é um passo importante para preparar os estudantes para o futuro. Aproveitar o uso de tecnologias de forma consciente e propagar a educação midiática, portanto, é uma tendência para todas as escolas.

- Ensino híbrido: cada vez mais a combinação do online e offline é comum. E isso faz todo sentido: no nosso cotidiano, esse imbricamento é também constante. Assim, nas escolas, o ensino híbrido tem ocupado cada vez mais espaço.

- Preparação para o conteúdo digital: em um mundo rodeado de fake news e milhares de informações por segundo, saber analisar, interpretar e fazer uma leitura crítica dos conteúdos digitais é fundamental. E isso perpassa não só a leitura de livros digitais! Mas também por conteúdos de redes sociais, sites de notícias e canais de mensagens instantâneas.

Dicas de livros para trabalhar na volta às aulas

Que tal conferir por fim algumas dicas de leitura que deixamos para esse período de volta às aulas?

- A nova escola de Sara

Sara vai mudar de escola e lidar com novos desafios, fazer novas amizades e encarar todas as novidades desta mudança. Escrito por Gisele Gama Andrade e publicado pela editora Abaquar, a obra é uma ótima oportunidade para falar sobre a volta às aulas e recepcionar os novos alunos. Essa é uma leitura indicada para os alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental.

- O menino que queria virar vento

Cheia de poesia e sensibilidade, a história fala sobre o tema da saudade e como podemos lidar com esse sentimento. O personagem principal quer virar vento para conseguir visitar uma amiga que está distante.

Dessa forma, a obra é também uma porta de entrada para falar sobre emoções que os alunos experimentaram durante a pandemia, como saudade, luto, perdas, etc. Escrito por Pedro Kalil Auad e da editora Aletria, o livro é também voltado para alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental.

- O primeiro dia de Chu na escola

Essa dica de leitura é para os alunos mais novinhos da Educação Infantil. Chu vai ter seu primeiro dia de aula em uma escola de verdade! Ele sente medo, angústia, animação e mais um monte de sentimentos que seus alunos também podem estar experimentando. Portanto, que tal fazer essa identificação a partir da leitura? Escrito por Neil Gaiman e publicado pela Rocco Pequenos Leitores.

- Tenho monstros na barriga

Já que estamos falando de sentimentos e emoções, temos mais uma dica de leitura que pode ajudar nessa temática! Escrito e publicado por Tonia Casarin, o livro fala de todos os monstrinhos, ou melhor, sentimentos que habitam a barriga de um garotinho.

O livro pode ser perfeito para trabalhar as competências socioemocionais na volta às aulas da Educação Infantil aos anos iniciais do Ensino Fundamental.

- Aventuras escolares de Motlatsi

Já para os alunos dos anos finais do Ensino Fundamental, a nossa indicação é o livro Aventuras escolares de Motlatsi. O livro foi escrito por Motlatsi Bernardino e publicado pela editora Unipro. Com caráter biográfico, trata sobre o tema do bullying e como ele pode ser evitado nas escolas.

- Conto de escola

Por fim, trazemos uma leitura voltada para os alunos do Ensino Médio: o clássico Conto de escola, do Machado de Assis. Assim, é possível aproveitar o período de volta às aulas para incentivar a leitura de clássicos importantes para o vestibular.

No items found.
Versão gratuita Árvore Livros

Experimente a versão gratuita da Árvore Livros

Tenha todas as funcionalidades da Árvore Livros em uma versão gratuita com acervo selecionado.

10.000+ people recommend using Client-first

Você pode gostar também

Leitura

Por que a leitura é importante? Confira 8 argumentos!

Já parou pra pensar porque ler é importante? Não? Vamos trazer argumento para que você perceba os impactos da leitura e invista cada vez mais na sua escola.

Continuar
Leitura

3 atividades de leitura em grupo para sala de aula

Que tal promover algumas atividades de leitura em grupo na sua escola? Confira algumas dicas nesta postagem! Com elas, você vai promover a leitura com seus alunos.

Continuar
Leitura

Falta de leitura pode prejudicar em provas e vestibulares

A falta de leitura pode prejudicar o desempenho de provas e vestibulares além de sua comunicação verbal e escrita

Continuar