Checklist da escola segura: como a gestão promove saúde mental
Baixe agora!
Blog da Árvore
Leitura
A importância da leitura nas escolas confessionais

A importância da leitura nas escolas confessionais

6 set 2022
3 min
Post modificado em:
6/9/2022

A leitura é uma forma de acessar o outro e a nós mesmos através das narrativas propostas, através dos personagens e suas trajetórias. E é justamente por isso, pela oportunidade de ampliação de perspectiva gerada, que o hábito de ler e a leitura nas escolas confessionais é tão valorizada.

Hoje vamos abordar sobre como o papel da leitura se conecta aos valores e princípios em que se fundamentam o trabalho pedagógico realizado pelas escolas confessionais.

A proposta pedagógica das escolas confessionais

Segundo o Dicionário Interativo da Educação Brasileira, do EducaBrasil, as escolas confessionais baseiam seus princípios e objetivos nos valores religiosos. Nelas, o desenvolvimento dos estudantes vai além do que está pautado nas correntes pedagógicas e no que está previsto para os diferentes componentes curriculares.

As escolas confessionais unem a proposta pedagógica ao embasamento filosófico-teológico, visando o desenvolvimento dos sentimentos religioso e moral dos estudantes, de acordo com a crença da religião da instituição.

O papel da leitura nas escolas confessionais

A educação das escolas confessionais passa por uma construção de valores da crença religiosa, que prioriza a responsabilidade, a solidariedade, a moral, a ética e a justiça. Pensando nisso, a conexão desses objetivos com a leitura fica clara quando lembramos das parábolas presentes na Bíblia, bem como das fábulas, que trazem a tão conhecida “moral da história”.

Ou seja, de forma lúdica e adequada ao objetivo e faixa etária, as histórias podem ter função educativa através das vivências dos personagens, dos aprendizados que aparecem de forma explícita, e também daqueles que estão subentendidos.

O ato de contar histórias e aprender com elas é muito bem estabelecido no ensino cristão, atravessa os limites das salas de aulas e tem seu valor pela oportunidade de trocas entre quem conta a história e quem as escuta.

Leitura e consciência social

Uma das abordagens primordiais na educação cristã, proposta pelas escolas confessionais, é a consciência e a justiça social. Formar cidadãos atentos aos seus papéis, que carregam o compromisso de transformar a comunidade, fazendo do mundo um lugar melhor para todos, é primordial.

Os livros são uma fonte inesgotável de experiências que não precisam ser vividas na pele para serem sentidas no coração. Ou seja, faz parte do papel do educador, promover atividades e práticas pedagógicas que possibilitem aos estudantes conhecer os problemas do mundo e assim, conseguirem pensar em como contribuir de alguma forma.

Uma pesquisa recente, publicada pela Trends in Cognitive Sciences, apontou os benefícios da leitura para a imaginação, e uma delas está relacionada ao desenvolvimento da empatia. Segundo o autor da pesquisa, ler ficção ajuda a nos tornarmos “mais aptos a compreender as pessoas e suas intenções”.

Isso quer dizer que ler ou ouvir uma história, principalmente aquelas fora da nossa realidade, é fundamental para furar bolhas e fortalecer o compromisso de solidariedade entre pessoas e suas diferenças.

Leitura e autoconhecimento

Além do desenvolvimento da empatia, que se conecta ao coletivo, para viver em sociedade de maneira respeitosa e positiva, o autoconhecimento também está na base dessa educação.

Nesse sentido, as escolas confessionais têm um compromisso em trabalhar, em sua proposta pedagógica, o sentido da vida. Ou seja, partindo do autoconhecimento trabalha-se a compreensão sobre propósito, sobre missão, sobre sonhos.

A literatura, em sua imensa diversidade, também pode contribuir nessa formação humana. Através das histórias e seus personagens, os leitores encontram mais recursos para construir sua própria identidade. Aprender a nomear emoções, a lidar com seus sentimentos e responder ao mundo de forma apropriada, nas diversas situações. A leitura é uma ferramenta para ampliar a capacidade de interpretação da realidade e do dia a dia.

Os livros em cada fase do desenvolvimento

Para atender a essas expectativas da contribuição da leitura na formação cristã e cidadã, é preciso entender as especificidades de cada fase do desenvolvimento, e apresentar uma literatura adequada, que potencialize as habilidades leitoras e os valores da vida cristã.

Para isso, um acervo diverso é fundamental e tem importância para o desenvolvimento. Assim, as escolas confessionais conseguem, além de estabelecer o trabalho com a leitura de forma simples, ainda personalizar as propostas, de acordo com as demandas de cada educador e estudante.

Na Árvore, os educadores da Educação Infantil e dos Anos Iniciais do Ensino Fundamental, têm em mãos um recurso precioso, chamado de Leiturômetro. Que consiste em uma apresentação do acervo para essa faixa etária, dividido por níveis definidos por complexidade e quantidade de texto presente nos livros.

Dessa forma, o educador pode selecionar o título que mais se ajusta às habilidades leitoras da turma, com a garantia de que vai encontrar diferentes opções nos diferentes níveis. Assim, fica mais fácil explorar temas que se conectem à intencionalidade pedagógica da aula.

Mediação de leitura é fundamental

Quando falamos do papel da mediação de leitura, lembramos sempre dos pequenos: contação de histórias, leitura compartilhada, ciranda literária, entre outras práticas.

Mas engana-se quem acredita que, quando mais velhos, os jovens leitores não precisam de mediação. Pelo contrário, talvez ela se torne ainda mais necessária na formação dos estudantes e para garantir que a leitura passe a ser um hábito de vida.

Por isso, mais uma vez, trabalhar em sala de aula títulos diversos, que se conectem com o gosto dos estudantes, é indispensável para bons resultados no trabalho em leitura e, consequentemente, na formação cristã.


Gestor, esperamos que esse texto tenha sido esclarecedor para entender como a leitura pode ser um diferencial para a formação integral dos estudantes na sua escola confessional.

Para apoiar as escolas confessionais nesse processo, a Árvore conta com um acervo com mais de 40 mil títulos de grandes editoras e um time pedagógico à disposição para apoiar as escolas parceiras. Se quiser saber mais sobre a Árvore, é só clicar AQUI.

Não deixe de conferir como apoiamos a Rede Santa Maria de Minas:

Quero na Minha Escola
Preencha o formulário!

Leve a Árvore para sua escola!

Com inovação e leitura, você ajuda a preparar seus alunos para o futuro. Preencha o formulário no site e saiba mais!

Acesse agora!

Baixe o Guia Definitivo da Gestão Escolar!

Tenha acesso a dicas, materiais e conteúdos práticos para tornar o dia a dia da gestão escolar mais simplificado. É gratuito!

Preencha o formulário ao lado e receba o material no seu e-mail.

Formulário enviado com sucesso!
Erro! Por favor, tente novamente.
Quero na Minha Escola

Preencha o formulário!

Leve a Árvore para sua escola!

Com inovação e leitura, você ajuda a preparar seus alunos para o futuro. Preencha o formulário no site e saiba mais!

Você pode gostar também

Leitura

Árvore chega à rede pública de Manaus com inovação

Confira a chegada da Árvore nas escolas municipais da rede de Manaus.

Continuar
Leitura

7 dicas infalíveis para a formação de novos leitores!

Vamos dar para vocês dicas infalíveis para formar leitores na sua escola, elaboradas pelo nosso time pedagógico de especialistas.

Continuar