Atividades de festa junina para sua escola

15 jun 2022
3 min

No texto de hoje, reunimos diversas ideias de atividades de festa junina para trabalhar com seus estudantes. Separados por segmento escolar, também destacamos sugestões de leitura para você, educador, e seus estudantes para tornar a celebração na sua escola ainda mais incrível!

Contexto histórico da festa junina

A festa junina tem origem em povoações de tradições politeístas no continente europeu. Era celebrada principalmente na passagem da primavera para o verão, com o intuito de afastar pragas e outras intempéries sobre a colheita.

Com a consolidação do cristianismo, a igreja católica ressignifica a festividade inserindo elementos cristãos, passando a adotar no calendário católico a celebração de santos como São João, Santo Antônio e São Pedro. A festa junina que foi trazida ao Brasil pela colonização portuguesa no século XVI, sofreu diferentes transformações ao longo da história. 

Com influência unicamente religiosa, dado as festas dedicadas aos santos populares em Portugal, hoje, ganha uma expressividade multicultural em várias partes do país, ganhando influência indígena e africana! 

No norte do país, por exemplo, tem-se o Festival Folclórico de Parintins, no interior do estado do Amazonas. Já no sul, tem-se na festa popular o vanerão, o chamamé e o xote gaúcho, estilos musicais e de danças típicas da região.

Por que trabalhar a festa junina na sua escola?

Comemorar a festa junina, julina e agostina e, por que não setembrina, significa oportunizar um encontro de transdisciplinaridade! 

Uma vez que celebrar o encontro popular incentiva que o estudante amplie sua percepção de mundo e compreenda os diversos tipos de saberes, aprenda a distingui-los, contextualizá-los e, sobretudo, conectá-los.

Essa valorização passa por estimular sua percepção crítica sobre o processo histórico, as diferenças culturais, as características geográficas e sociais do país. De modo a respeitar a diversidade religiosa e as transformações e influências decorrentes dela. 

Assim, fomentar atividades de festa junina significa sensibilizar os estudantes para a compreensão do significado da cultura em vários lugares do país. Mas também, é uma oportunidade para que explorem e compreendam os contrastes e aproximações entre o campo e a cidade. 

A festa junina e a BNCC

Vários aspectos que podem ser trabalhados na festa junina atravessam a Base Nacional Comum Curricular. Autonomia, empatia, criticidade, repertório cultural são alguns aspectos fundamentais para uma vida em sociedade, e que aparecem como competências que devem ser estimuladas em todos os segmentos escolares. 

Elas destacam a importância de valorizar os conhecimentos historicamente construídos no mundo e ampliar a capacidade do estudante de explicar a realidade e se posicionar frente a ela.

Por isso, pensando na riqueza que a festa popular possibilita, reunimos aqui atividades que podem ser trabalhadas nas suas aulas e em conjunto com outras áreas do conhecimento.

Atividades de festa junina para cada segmento escolar

Educação Infantil

  • Conhecendo a expressão musical

Explorar a cultura sonora da festa junina e seus diferentes ritmos como cantigas, danças, artistas e instrumentos musicais pode ser um momento muito rico de imersão na comemoração popular!

Deixar que as crianças ouçam, apreciem, cantem e dancem faz parte do estímulo ao seu desenvolvimento corporal e de compreensão no espaço. 

  • Contação de histórias

Reunir a turma para uma roda de conversa com lendas, brincadeiras, parlendas e compartilhamento dos símbolos que caracterizam as festas é, sem dúvidas, uma atividade que vale a pena!

Uma oportunidade para reproduzir e compartilhar apresentações visuais, como imagens e vídeos das manifestações de todo o Brasil para que os pequenos se encantem com a diversidade e cores das festas!


Anos Iniciais do Ensino Fundamental

  • Mão na massa

Se você procura atividades de festa junina que combinem pesquisa e mão na massa, esta é uma ótima ideia: as comidas típicas! Elas certamente encantam! E por que não tentar reproduzir essa diversidade para que os estudantes a conheçam? 

Comece sugerindo uma pesquisa das principais comidas típicas de várias regiões do país. Peça que escolham e anotem a que mais se interessarem e com o apoio da família, a receita pode ser produzida em casa e levada até a escola para um momento de compartilhamento das delícias preferidas!

  • Leitura compartilhada

Conhecer a experiência e obra de autores e suas produções artísticas, além de ampliar o repertório cultural dos seus alunos, pode ser um momento de muita troca, empatia e conhecimento.

Peça para os estudantes fazerem uma pesquisa dos principais livros inspirados nessa época do ano e aproveite para explorar a diversidade de gêneros literários. Depois da pesquisa, a turma deve eleger o título preferido e fomentar um momento de leitura partilhada!  

Anos Finais do Ensino Fundamental

  • Produção textual

As atividades de festa junina podem ir além das brincadeiras e danças comuns à época. Nossa proposta é complementar esse momento divertido com informações valiosas que enriqueçam e aprofundem a compreensão dos alunos sobre a vida em diferentes regiões do país.

E ainda, desmistificar preconceitos e estereótipos aos quais a população do campo muitas vezes é submetida. Por isso, destacar a relação entre o campo e a cidade, observando os aspectos sociais, econômicos e tecnológicos que compõem esse espaço e sua produção são pontos fundamentais.

  • Deixe os estudantes organizarem a festa junina! 

A participação dos alunos na decoração, na organização da dinâmica da festa, na confecção das comidas são alguns exemplos de atividades que parecem simples mas são possibilidades muito divertidas de criar habilidades sociais e de gestão nos estudantes, como o senso de respeito, colaboração, sociabilidade e organização.

A escola pode mediar essa força tarefa a partir da atribuição de responsabilidades e prazos. Assim como construir relações que priorizem o diálogo entre os estudantes e sua contribuição na coletividade.

  • Pesquisa aprofundada

Incentive os estudantes a construírem um quadro comparativo das diferentes expressões culturais em que a festa junina e outras festas populares são realizadas. Qual comida típica, a origem, o contexto religioso e histórico que originou a celebração? Quais nuances foram inseridas e transformadas? 

Entender o clima, o impacto da festividade na dinâmica urbana e econômica da cidade são informações valiosas! Ao final da pesquisa, incentive a divulgação ampla desse material nos murais da escola ou mesmo em publicações nas redes sociais.

 Ensino Médio

  • Releituras artísticas

O que acha de um novo olhar dos estudantes para as obras de artes que retratam a cultura popular brasileira? Cantigas e músicas, Bumba meu boi, característico das regiões norte e nordeste do país, pinturas de telas por artistas plásticos como Fulvio Pennacchi e Alfredo Volpi.

São alguns exemplos que podem servir de inspiração para novos desenhos e ilustrações. Assim como novas releituras dos estudantes a partir da inclusão de novos elementos por meio de seus olhares!!

  • Atividade de solidariedade

E se a atividade de festa junina na escola for uma ato de solidariedade no seu bairro? As festas juninas ocorrem nos meses mais frios do ano em que muitas pessoas em situação de rua estão desabrigadas.

Pensar em atividades que considerem o coletivo e, principalmente as desigualdades, é um papel super importante que a escola não pode deixar de lado durante todo o ano! 

  • Reúna as famílias

Que tal combinar as várias atividades propostas em um grande evento com as famílias? Além de apresentação de danças, que é muito comum nas escolas de grande parte do país, é possível deixar o ambiente ainda mais encantador.

As releituras das obras artísticas elaboradas pelos estudantes, assim como o resultado das pesquisas sobre as curiosidades e diferenças que cada região do Brasil possui, vão enriquecer o evento se forem expostas em todos os cantos da festa! 

Ah! E claro, na festividade, a escola também pode eleger alguns estudantes para compartilhar com todos os convidados um momento de leitura de poemas, lendas e trechos dos livros dos artistas encontrados.

Antes de iniciar as atividades, que tal um pouco de leitura?

  • Para os Anos Iniciais do Ensino Fundamental: “Uma festa de cores e memórias de um tecido brasileiro” de Anna Göbel e Ronaldo Fraga, da editora Autêntica Infantil e Juvenil. É uma história que vai fazer com que seus estudantes mergulhem nas cores e na beleza das manifestações populares do país!
  • Para os Anos Finais do Ensino Fundamental e Médio:Histórias de vaqueiros e cantadores para jovens”, de Luís da Câmara Cascudo, Editora Global. É uma inspiração, um mergulho pela cultura e diversidade! Uma imersão na vivência e expressividade do autor em sua experiência pelas cantigas e versos do sertão.
  • Para você, educador: o que acha de aprender mais sobre a maior manifestação cultural de festa junina do Brasil por meio de uma leitura super interessante? Sim, estamos falando da festa realizada em Campina Grande, Paraíba.

Com a obra de Zulmira Nóbrega intitulada “O maior São João do mundo: multifaces de uma grande festa brasileira'', da editora Appris, você vai entender a história, as transformações e a grandeza de uma das mais importantes festas populares do Brasil. E certamente, vai se inspirar e ampliar seus conhecimentos para uma intervenção significativa com seus estudantes.

Por fim, esperamos que as atividades de festa junina que compartilhamos aqui sirvam de inspiração para que essa celebração combine diversão, leitura, pesquisa e muitos aprendizados na sua escola!

As ideias que destacamos aqui têm o intuito de deixar esse momento festivo ainda mais rico e conectado com a realidade que os rodeia! E, certamente, nossa intenção é que os estudantes sejam motivados a entender e valorizar a cultura popular brasileira. Aproveite e confira também mais um post com ideias de atividades escolares de festa junina!

Time de especialistas pedagógicos da Árvore

Esse conteúdo foi produzido por:

Time de especialistas pedagógicos da Árvore

Trilha de Leituras

Material gratuito

Trilha de Leituras Árvore

Garanta o desenvolvimento da leitura na sua escola no ensino híbrido ou presencial.

10.000+ people recommend using Client-first

Você pode gostar também

professor dando feedback para aluno
Professores

5 dicas de como dar feedbacks assertivos aos seus alunos

Confira, neste artigo, a importância de um bom feedback para auxiliar os alunos na aprendizagem e como isso deve ser feito.

Continuar
Aluna utilizando Tablet
Professores

Descubra como preparar seus alunos para o conteúdo digital

Você sabe como preparar seus alunos para o conteúdo digital? Neste artigo a árvore dá algumas sugestões de como as escolas podem preparar seus alunos.

Continuar
professora ministrando uma boa aula
Professores

Como ministrar uma boa aula: 5 dicas para motivar o aluno

Neste post, trazendo dicas práticas, com exemplos concretos, de como ministrar uma boa aula. Confira!

Continuar
Mãe e filho
Professores

Como envolver os pais no aprendizado dos alunos?

Veja várias estratégias para envolver os pais nas atividades escolares e aprendizado dos alunos.

Continuar