5 dicas práticas de como incentivar a leitura infantil

21 de novembro de 2017
5 min

De acordo com os dados obtidos em 2012 pelo PISA — Programa Internacional de Avaliação de Estudantes —, 49% dos estudantes brasileiros na faixa dos 15 anos apresentam baixo desempenho em leitura. Esse alto percentual evidencia que um dos principais desafios para pais e educadores do século XXI é aprender a como incentivar a leitura infantil, tornando essa uma atividade interessante para crianças e adolescentes.

No entanto, como estimular a leitura infantil e vencer esse desafio em meio a expansão tecnológica? Como incentivar uma criança a ler em um cenário, em que as informações estão a um clique de distância, deixando pouco espaço para imaginação?

Dicas de como incentivar a leitura na sala de aula, são importantes, entretanto, algumas sugestões para ir além das paredes da escola, também são fundamentais no processo de estimular a leitura infantil. Se você está lidando com esses questionamentos, acompanhe nosso post. Elencamos 5 maneiras de como incentivar a leitura infantil, com dicas que podem ser adotadas pela escola e pela família para estimular a leitura. Confira, a seguir!

Como incentivar a leitura infantil: 5 dicas para estimular uma criança a ler

1. Leia para a criança

Como estimular a leitura infantil? Uma das estratégias mais eficazes para responder a essa pergunta e promover a leitura entre as crianças é ler livros coloridos ao lado dela. É comum que durante a atividade da leitura dos pais ou professores, as crianças se baseiem nos desenhos apresentados e tentem adivinhar o que está escrito nas páginas. Dessa maneira, a leitura feita por adultos favorece:

  • A leitura e escrita espontânea
  • Contribui para a ampliação do vocabulário
  • Impacta o desenvolvimento cultural e cognitivo
  • Estimula a criatividade e a imaginação.

2. Transforme os momentos de leitura em uma atividade familiar

Como incentivar uma criança a ler? Para que a leitura se torne um hábito é fundamental que ela seja parte da rotina familiar. Uma boa maneira de colocar isso em prática é formar um clube do livro. Neste clube a família poderá escolher um livro semanalmente e compartilhar suas impressões em um dia pré-determinado. Nesse momento, é importante ser sincero e, caso seja necessário, apontar até mesmo os motivos que o fizeram detestar o livro. Assim, a criança e o adolescente não se sentirão coagidos a gostar de um livro e aprenderão que é natural não gostar de uma obra, mesmo que a opinião dos outros seja contrária. Desse modo, o espaço de leitura em casa será acolhedor e seguro, fazendo com que a criança se sinta à vontade para explorar obras distintas até encontrar seu gênero favorito.

3. Alie a leitura a outras atividades divertidas

Para aprender a como incentivar a leitura infantil é importante entender como as crianças e adolescentes se comportam e o que os atraem. Para as crianças, o ideal é associar a leitura a passeios, assim ela poderá ver de perto sobre o que está lendo. Se a leitura for sobre o universo, por exemplo, ir ao planetário e conhecer um pouco mais de astronomia tornará a leitura mais palpável. Por outro lado, quando se trata de adolescentes, pode ser mais efetivo assistir a filmes que são adaptações de alguma obra. Dessa maneira, ele poderá fazer um contraponto entre linguagem verbal e audiovisual. Vale lembrar que textos teatrais também costumam agradar os leitores dessa faixa etária. Pois são mais diretos, combinando com a praticidade que os adolescentes buscam na atualidade.

4. Utilize a tecnologia

Sim, para aprender a como incentivar a leitura infantil é preciso se render à tecnologia. Alguns educadores temem que os avanços tecnológicos prejudiquem a formação dos alunos. Contudo, não se pode ignorar a tecnologia. Pelo contrário, ela deve ser usada como ferramenta para despertar o interesse dos jovens pela leitura e facilitar o ensino e a aprendizagem. A utilização de livros digitais nas salas de aula, por exemplo, é uma das ferramentas que podem ser usadas para estabelecer uma parceria entre escola e tecnologia, pois, propiciam um envolvimento maior dos alunos com os livros. Além disso, a leitura digital permite que crianças e adolescentes que não tem acesso à compra de livros, por conta do custo, possam acessá-los de maneira mais fácil. Outra maneira de utilizar a tecnologia é lançar mão de uma plataforma virtual. Nela, os professores poderão indicar atividades, acompanhar e sugerir leituras, permitindo que o docente verifique quais os títulos mais aceitos e a capacidade de interpretação textual dos educandos.

5. Frequente espaços culturais

Espaços culturais costumam promover eventos literários com frequência, o que é uma ótima sugestão sobre como incentivar uma criança a ler. Também é ótimo para adolescentes, que poderão participar de debates e entrar em contato com autores. Além disso, nesses eventos, as crianças podem assistir a contação de histórias e peças de teatro, tornando o ambiente ideal para incitar a curiosidade dos pequenos leitores. Então, já utilizou alguma dessas estratégias de como incentivar a leitura infantil? Não temos dúvida de que elas vão motivar ainda mais as crianças e adolescentes.

Time de especialistas pedagógicos da Árvore

Esse conteúdo foi produzido por:

Time de especialistas pedagógicos da Árvore

Versão gratuita Árvore Livros

Experimente a versão gratuita da Árvore Livros

Tenha todas as funcionalidades da Árvore Livros em uma versão gratuita com acervo selecionado.

10.000+ people recommend using Client-first

Você pode gostar também

aluno escrevendo
Leitura

Quem lê muito escreve bem? A relação entre leitura e escrita. Com dados!

Qual a ligação entre leitura e escrita? No nosso post, trazemos dados que mostram a importância da leitura para escrever bem e de forma clara. Confira!

Continuar
João Leal, CEO da Árvore
Leitura

João Leal, CEO da Árvore, comenta o sucesso da Maratona de Leitura de 2017

Confira uma entrevista com nosso CEO sobre a Maratona de Leitura de 2017.

Continuar
menino lendo história em quadrinho
Leitura

Quadrinhos combinam com literatura na escola? Saiba a resposta!

No artigo de hoje debateremos se quadrinhos combinam ou não com literatura na escola. Confira!

Continuar