Planejamento escolar 2022: três dicas para apoiar esse processo

Nos últimos dois anos, o ambiente escolar se transformou. Com a necessidade de aulas remotas e do ensino híbrido, as escolas se reinventaram. Professores e professoras aprenderam a utilizar novas ferramentas digitais e a encontrar novas formas de se conectar com suas turmas. Os aprendizados desses anos certamente não ficaram para trás, comprovando que a tecnologia pode ser uma aliada da educação. 

Desta forma, preparamos algumas dicas para apoiar gestores e gestoras na construção de um novo ano letivo. Vamos conferir?

1 - Faça um balaço do ano letivo

Junto com a sua euipe discente, avalie o que deu certo e o que não deu certo no ano de 2021. Você pode orientar esse momento de balanço com algumas perguntas norteadoras como: 

  • Quais foram os principais desafios e/ou conquistas da adoção do ensino híbrido ou remoto?
  • Como potencializar o que deu certo e o que fazer para organizar o que necessita de aprimoramentos?
  • Quais foram os resultados e aprendizados desses últimos anos?

Assim, no contexto atual, é fundamental analisar como o aprendizado se deu e também qual é o papel do ensino híbrido e de suas ferramentas de agora em diante. 

Uma outra ideia é convidar os alunos para uma conversa, escutando suas percepções sobre o ano letivo que se passou. Dessa maneira, é possível identificar pontos que poderiam passar despercebidos. Isso pode ser feito através de um fórum estudantil. 

2 - Defina seus objetivos e metas para o ano

Com o balanço feito, é hora de começar o planejamento. A partir dos pontos identificados, faça uma lista com os objetivos e metas para o próximo ano. Com base nesses objetivos e metas, inicie o planejamento das ações que vão concretizá-los. É importante lembrar que essas ações serão trabalhadas durante todo o ano, ou seja, elas devem ser revisadas de forma periódica.

O que pode ser incluído nessa etapa: cursos de aprimoramentos para a equipe; novos projetos; reuniões periódicas com os colaboradores, com os professores, alunos e alunas; ações de engajamento com a comunidade escolar; entre outras atividades.

3 - Pesquisa tendências e inove!

A pandemia trouxe diversos desafios para a educação. Em um mundo cada vez mais conectado, pode ser interessante investigar o que o mercado de educação está trazendo de novidades e o que está sendo aplicado pelas escolas. Que tal aproveitar a semana de planejamento para fazer essa pesquisa? Busque novos conteúdos, tecnologias e metodologias inovadoras para sua equipe docente. 

Afinal, o uso de ferramentas digitais na sala de aula incentiva e promove autonomia e protagonismo para os alunos e alunas no processo de aprendizagem. Uma sugestão é pensar em uma nova ferramenta de comunicação escolar ou ampliar o laboratório de informática. É necessário inovar!

Não deixe de assistir nosso conteúdo no YouTube:


No items found.
Versão gratuita Árvore Livros

Experimente a versão gratuita da Árvore Livros

Tenha todas as funcionalidades da Árvore Livros em uma versão gratuita com acervo selecionado.

10.000+ people recommend using Client-first

Você pode gostar também

mulher mexendo nas redes sociais em telefone
Gestão Escolar

A imagem da escola na era das redes sociais: aprenda a se comunicar com os pais

Como sua escola pode manter uma ótima comunicação com as famílias na era das redes sociais? Confira neste post!

Continuar
professora realizando avaliação qualitativa com aluno
Gestão Escolar

A importância da avaliação qualitativa no cotidiano escolar

Neste texto, você vai descobrir o que é a avaliação qualitativa e como ela pode ser importante para o cotidiano escolar.

Continuar
professora realizando relatório de leitura
Gestão Escolar

Entenda a importância do relatório de leitura e como fazê-lo

Você sabe como elaborar um relatório de leitura dos alunos da sua escola? E a importância dele para o ensino? Confira neste post!

Continuar