Qual a importância da leitura na infância? Confira o que diz a especialista!

Conversamos com Letícia Reina, gestora educacional na Árvore, sobre a importância da leitura na infância e quais benefícios o estímulo dessa prática pode trazer para a vida das crianças. Confira!

Qual é o papel da leitura na infância? O que é desenvolvido a partir da aquisição dessa prática?

A criança nasce imersa no mundo letrado! Ela já convive com as letras, palavras, números, imagens e sons ao seu redor. No momento que a criança começa a compreender o sistema de escrita, ela começa a ler (formalmente) as palavras e contextualizar essas mensagens em seu cotidiano. O que é desenvolvido com a leitura desses diferentes textos que nos circulam é a ampliação desse letramento e dessa inserção da criança nas diferentes situações de comunicação.

E a ampliação dessa leitura em diversas situações de comunicação vai tornando a criança cada vez mais consciente e ciente de seu papel no mundo. Seja lendo uma receita com a família, seja lendo uma história de ficção ou uma notícia sobre o bairro onde mora. Além disso, a leitura possibilita a ampliação de vocabulário, incentiva a imaginação, a possibilidade de criar histórias, de organizar pensamento e potencializa argumentos. Dessa forma, a criança aprende a se posicionar no mundo, com repertório e responsabilidade.

De que forma a família pode contribuir para o desenvolvimento desse gosto?

Convidando a criança a participar das diversas situações de leitura em nosso cotidiano, para que a criança compreenda que ler pode e deve fazer parte de nossa rotina. Assim, a família pode convidar para ler em voz alta um livro de histórias, sentada no chão da sala, brincando com a voz dos personagens e pedindo a participação da criança na criação de desfechos diferentes para as narrativas, por exemplo. Mas também convidar a criança para ler a receita junto, na hora de cozinhar.

E mais, assistir a um vídeo, comentando sobre a relação das imagens com o texto: "como eles combinam?" Pode ainda ler gibis, apontando para os balões de falas e chamando a atenção para esse jeito de contar a história. Pode ainda ler uma propaganda impressa e brincar com a criança sobre como ela venderia tal produto… Tudo isso é formação leitora. Todas essas situações nos levam a ler o mundo e vão ampliando cada vez mais a participação das crianças nas situações de comunicação.

Qual é o papel da escola nesse processo? De que forma ela pode auxiliar?


A escola tem o papel de possibilitar situações didáticas intencionais, para que a criança leia o mundo, por meio de suas diferentes linguagens. Desta forma, a sala de aula pode ser o espaço, por exemplo, de ouvir uma música, acompanhar a letra escrita e saber que aqueles sons são representados por aquelas letras. Outra opção é criar na escola um ambiente em que os textos escritos, imagéticos e inseridos nas diferentes linguagens estejam estampados nas paredes das salas de aula e nas mãos dos estudantes. Sejam eles físicos ou digitais. Deve-se proporcionar situações de leitura em que a criança se veja em situações reais de comunicação, como, por exemplo, através de uma leitura em dupla.

Por fim, outra ideia é que a escola tenha espaços de criação de receitas coletivas, em que a criança lê a receita e a executa, ou ainda, executa uma receita inventada e registra esse passo a passo, para contar para a turma mais nova. São situações didáticas que inserem o texto em um contexto de comunicação. Sempre olhando para um texto real, que de fato, circula em nosso meio.

Leia também: Como trabalhar leitura na alfabetização: confira com especialistas!

A partir de que idade pode-se iniciar a introdução da leitura na vida das crianças? 

A leitura deve ser inserida na vida da criança desde sempre. Ela nasce inserida em um mundo letrado. O processo de alfabetização e aquisição desse sistema é que depende do interesse da criança por essa organização e depende da concepção da escola. Tem escolas que começam a sistematizar esse ensino aos 5 anos, outras aos 6 anos. Mas tem escolas mantêm o ambiente alfabetizador desde os primeiros anos.


Letícia Reina é Gestora Educacional da Árvore com mais de 25 anos de experiência em escolas, Letícia é mestre em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem.

Esse conteúdo foi produzido por:

Letícia Reina

Letícia Reina é Gestora Educacional da Árvore com mais de 25 anos de experiência em escolas, Letícia é mestre em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem.

Versão gratuita Árvore Livros

Experimente a versão gratuita da Árvore Livros

Tenha todas as funcionalidades da Árvore Livros em uma versão gratuita com acervo selecionado.

10.000+ people recommend using Client-first

Você pode gostar também

aluno em sala de aula
Leitura

7 livros para trabalhar a consciência negra com seus alunos

Quer dicas de leitura para trabalhar o Dia da Consciência Negra na sua escola? Aqui, separamos algumas dicas exclusivas para você!

Continuar
alunos e professor lendo
Leitura

Você conhece o perfil leitor dos seus estudantes? Veja com nossa pesquisa!

Neste post, trazemos alguns dados importantes da nossa pesquisa para ajudar a mapear o interesse de leitura dos alunos.

Continuar