Férias escolares: o que a gestão escolar pode adiantar durante o período

17 jan 2022
2 min

O período de férias escolares tende a ser de muito trabalho para os gestores(as) escolares, sobretudo pela quantidade de demandas e expectativas para o próximo ano. Algumas necessidades podem ser esquecidas ou deixadas para depois, sobrecarregando o início do ano letivo.

Pensando nisso, neste post vamos destacar tudo que você pode adiantar ou não deixar de fazer no período que antecede o retorno das aulas.

1 - Autoavaliar-se

A reflexão crítica sobre nossas ações e reações principalmente no universo da educação é imprescindível para uma prática consciente e afetiva. O(a) gestor(a), mesmo não atuando na sala de aula, tem um papel de impacto direto sobre os alunos. Por isso, sua prática deve ser de constante reflexibilidade.

Assim, aproveite as férias escolares para repensar suas ações e relações com os demais profissionais, pais e alunos no ano letivo anterior. Solicitar feedbacks dos professores e demais atores da escola pode ajudar muito!

2 - Investir em formação continuada

Estar em constante movimento para expandir perspectivas,  aprimorar habilidades e práticas faz parte do universo da educação e o gestor escolar não escapa desse compromisso.

Portanto, nas férias escolares separe um tempo para se dedicar a palestras, seminários e cursos que aprimorem suas habilidades e melhorem sua performance no cotidiano escolar.

3 - Pensar na estrutura da escola

Sabemos que as férias são usadas para realizar reformas necessárias à estética da escola, mas há um aspecto pouco pensado pelos gestores, uma estrutura inclusiva. Pode ser que neste momento você ainda não tenha nenhum estudante com deficiência, mas é imprescindível que sua escola seja acessível e acolhedora, a fim de respeitar a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência nº 13.146/2015.

Para isso, aproveite para construir ou reformar  rampas, estruturar o banheiro, melhorar a mobilidade nas salas e demais espaços de lazer. Ademais, a segurança também deve ser priorizada. Não deixe de revisar instalações, extintores e a qualidade das grades e outros materiais de ferro e vidro.

4 - Divulgar a escola

O período de férias é um ótimo momento para focar na expansão de matrículas e rematrículas. Promover uma força-tarefa de divulgação da escola e atualização das redes sociais  é uma etapa importante! Compartilhar depoimentos de aprovados, antigos estudantes, pais e professores pode alavancar a visibilidade e confiança da sua escola e assim alavancar as matrículas.

Uma dica: contratar um profissional de mídia para cuidar das redes da escola e dar maior visibilidade aos  eventos e as atividades pode ser um ótimo investimento!

5 - Acolher novos alunos

No início do ano a movimentação de matrículas costuma ser intensa. Nesse período, é comum ver pais e alunos ansiosos para conhecer mais de perto o espaço onde vão passar grande parte do seu tempo. Por que não aproveitar esse momento para pensar em um boas-vindas bem especial?

Antes das aulas começarem, que tal  promover uma comunicação mais afetuosa, mostrando a importância da sua participação em todo o ano, listando as principais vias de contato da escola, compartilhando os profissionais que compõem a instituição ou mesmo um cartão de boas-vindas no momento da aquisição dos uniformes? O que acha?

6 - Acolher professores e funcionários

A chegada do novo ciclo exige que o vínculo entre o corpo administrativo e docente seja fortalecido, contribuindo assim para a melhoria do fluxo de atividades da escola, para o aperfeiçoamento da comunicação e, principalmente, para drilblar conflitos. 

Portanto, usar esse período para pensar ações a fim de acolher os profissionais da sua escola no próximo ciclo tem a ver com valorizar o seu trabalho, o que é fundamental para que se sinta respeitado e reconhecido. Gestor(a), não se esqueça dos profissionais de limpeza  e de alimentação!

Pequenas ações podem ser desenvolvidas, como entregas de kits confeccionados pela escola, cafés e almoços. Nesses momentos, além de acolhê-los, é importante lembrá-los da importância do seu papel, do projeto político pedagógico e da filosofia da escola.

Leia também: 5 dicas de como aplicar a gestão democrática na escola

7 - Combater a síndrome de burnout

A valorização dos profissionais da escola passa, principalmente, pelo respeito à sua saúde mental. A síndrome de Bourmot é um distúrbio psíquico causado pelo desgaste profissional produzindo estresse crônico e tensão emocional, ao atuar em um ambiente de alta competitividade e sobrecarga de tarefas. 

É fundamental que a gestão escolar elabore estratégias para combater  o acúmulo de atividades e oferecer melhorias nas condições de atuação dos professores, incentivando o cuidado de sua saúde mental.

8 - Ler  bons livros

Sabemos que durante a correria de matrículas e demais responsabilidades, a gestão fica super atarefada, mas no meio de toda  essa agitação de início de ano, ler um bom livro pode cair muito bem na sua rotina. 

Além de ser um momento de distração, a literatura tem o poder de acalmar e renovar as energias para você concluir essa etapa a todo vapor. Então, comece agora!


Gestor(a), espero que tenha aproveitado nossas indicações, principalmente a última! Desejamos ótimas férias e um ano incrível para sua escola. Até o próximo post!


Time de especialistas pedagógicos da Árvore

Esse conteúdo foi produzido por:

Time de especialistas pedagógicos da Árvore

Versão gratuita Árvore Livros

Experimente a versão gratuita da Árvore Livros

Tenha todas as funcionalidades da Árvore Livros em uma versão gratuita com acervo selecionado.

10.000+ people recommend using Client-first

Você pode gostar também

gestora escolar em escola
Gestão Escolar

Conheça quais são os tipos de gestão escolar

Neste post, você vai descobrir os diferentes tipos de gestão escolar e conferir o que melhor se aplica a sua escola.

Continuar
professora realizando relatório de leitura
Gestão Escolar

Entenda a importância do relatório de leitura e como fazê-lo

Você sabe como elaborar um relatório de leitura dos alunos da sua escola? E a importância dele para o ensino? Confira neste post!

Continuar
mulher mexendo nas redes sociais em telefone
Gestão Escolar

A imagem da escola na era das redes sociais: aprenda a se comunicar com os pais

Como sua escola pode manter uma ótima comunicação com as famílias na era das redes sociais? Confira neste post!

Continuar